Abaixo encontram as tabelas de custo de vida em vários países, nem sempre dará a situação real, pois existem vários fatores que dificultam chegar à realidade, porém próximas:

Temos que considerar que cada item, além de considerar que cada país também tem preços diferenciados, a distancia, se é interior ou capital, e também cada pessoa terá suas exigências e preferências, conforme suas necessidades. Alugar um apartamento, com ou sem elevador, perto ou não de área comercial, próximo ou não do trem ou metro, com vista ou sem vista, com varanda ou sem varanda, com garagem ou sem garagem, quer sol no inverno ou não (isso é um item bem bom de prestar atenção), exceto Portugal que não tem um frio tão rigoroso, lembre-se, quanto mais ao norte mais frio, e por ai vai.

Normalmente os imóveis na Europa já são mobiliados, o que melhora a situação de um imigrante não precisar comprar móveis.

Aqui no Brasil se você entrar hoje no mercado, e encontra a cebola R$ a 1,49 o quilo, não quer dizer que no dia seguinte não possa estar em R$2,99. Diferente da Europa, as alterações de preço são por fatores realmente que ocasionem à alta. E a grande maioria dos mercados, tem a linha branca de produtos, que são de marca própria, com preços realmente diferenciados e de ótima qualidade.

Na comunidade europeia, é caro viver nos centros da cidade, aqui no Brasil ao contrário, a maioria dos grandes centros está lamentavelmente sem condições de moradia. Normal aqui é ter bairros, nem sempre tão próximos do centro com preços elevados. Como os países possuem áreas menores, tudo que passe de 30 kms já é longe. Assim você encontra ótimas cidades para viverem distantes 20 ou 30 kms dos grandes centros, e são bem servidas de transporte publico de boa qualidade. Cada lugar tem meios diferentes de cobrar o transporte, Portugal você paga por trecho.

Nos itens: água, gás, eletricidade, e lixo.
Lixo, em vários países esse é um assunto é tratado com muito rigor. A verdade quanto mais lixo você produz mais você paga Exemplo: na Suíça seu lixo diário tem que ser ensacado em saco especial, que é vendido em supermercado.
As multas são pesadas para quem não cumpre as normas. Quaisquer tipos de multa são extremamente altas. Porque a ideia lá é que você aprenda a não cometer o mesmo erro novamente. Bem diferente daqui.
Gás e eletricidade doem no bolso durante o inverno. Portugal tem a eletricidade mais cara da Europa: €30,2 por 100kwa/h, conforme a Eurostat. A água, de maneira geral não é barata na Europa, na Alemanha e muito cara.

Na Itália não existe salário mínimo, estes variam de acordo com a formação, qualificação profissional e experiência. Cada segmento tem seus valores básicos definidos por acordos. Assim profissionais que dependem de carga horária, como cuidadores, babás, podem ganhar menos de 700,00 euros.
Agora um profissional, mesmo iniciante, da área de comunicações e finanças tem sempre melhores salários.
Outro ponto a ressaltar, que estes salários em vários países, são pago por hora de trabalho e podem ser pagos semanalmente quinzenalmente ou mensalmente.

Sempre é dito que Portugal tem o menor salário mínimo da Europa, na verdade existem alguns países do leste europeu que tem o menor valor Bulgária (235 euros), Roménia (275 euros) Letónia e a Lituânia (380 euros).
Um casal, vivendo com dignidade, porém sem luxo, gasta um 1000,00 euros por mês, claro que não em Lisboa, e sem carro, e também churrasco 1 vez por mês…

Acredito que esse texto, tenha acrescentado mais algumas informações, para o leitor pensar no seu projeto de mudança. Mas, o impulso de mudança é ver a realidade do salário mínimo desse país Brasil 251,89 euros argentina 428,48 euros Chile 366,12 euros.

Na comunidade europeia, é caro viver nos centros da cidade, aqui no Brasil ao contrário, a maioria dos grandes centros está lamentavelmente sem condições de moradia. Normal aqui é ter bairros, nem sempre tão próximos do centro com preços elevados. Como os países possuem áreas menores, tudo que passe de 30 kms já é longe. Assim você encontra ótimas cidades para viverem distantes 20 ou 30 kms dos grandes centros, e são bem servidas de transporte publico de boa qualidade. Cada lugar tem meios diferentes de cobrar o transporte, Portugal você paga por trecho.

Nos itens: água, gás, eletricidade, e lixo.
Lixo, em vários países esse é um assunto é tratado com muito rigor. A verdade quanto mais lixo você produz mais você paga Exemplo: na Suíça seu lixo diário tem que ser ensacado em saco especial, que é vendido em supermercado.

As multas são pesadas para quem não cumpre as normas. Quaisquer tipos de multa são extremamente altas. Porque a ideia lá é que você aprenda a não cometer o mesmo erro novamente. Bem diferente daqui.
Gás e eletricidade doem no bolso durante o inverno. Portugal tem a eletricidade mais cara da Europa: €30,2 por 100kwa/h, conforme a Eurostat. A água, de maneira geral não é barata na Europa, na Alemanha e muito cara.

Na Itália não existe salário mínimo, estes variam de acordo com a formação, qualificação profissional e experiência. Cada segmento tem seus valores básicos definidos por acordos. Assim profissionais que dependem de carga horária, como cuidadores, babás, podem ganhar menos de 700,00 euros.
Agora um profissional, mesmo iniciante, da área de comunicações e finanças tem sempre melhores salários.
Outro ponto a ressaltar, que estes salários em vários países, são pago por hora de trabalho e podem ser pagos semanalmente quinzenalmente ou mensalmente.

Sempre é dito que Portugal tem o menor salário mínimo da Europa, na verdade existem alguns países do leste europeu que tem o menor valor Bulgária (235 euros), Roménia (275 euros) Letónia e a Lituânia (380 euros).
Um casal, vivendo com dignidade, porém sem luxo, gasta um 900,00 euros por mês, claro que não em Lisboa.

Acredito que esse texto, tenha acrescentado mais algumas informações, para o leitor pensar no seu projeto de mudança. Mas, o impulso de mudança é ver a realidade do salário mínimo desse país Brasil.

SALÁRIO MÍNIMO NA AMÉRICA DO SUL
€ 3,8106 – 31/out
Argentina Chile Uruguai Equador Paraguai Bolívia Brasil Peru Colômbia Venezuela
8060 ARS 270000 CLP 11150 UYU 366 USD 1964507 PYG 2000 BOB 937 ‎BRL 850 PEN 97531 COP 97531VEF
391,16 € 362,67 € 325,22 € 314,00 € 298,36 € 245,08 € 244,73 € 224,52 € 209,49 € 8,38 €
  • Clique aqui para visualizar a tabela de custos na Europa.

Deixe uma mensagem